Dicas Payot: Escolha seu perfume

Ao escolher um perfume, experimentar mais de 3 tipos pode confundir, atrapalhando a compradora.

Cada pessoa apresenta uma reação ao perfume, que varia de acordo com a condição química e o tipo de pele, estilo de vida, temperatura ambiental e alimentação. Portanto, de nada adianta sentir o perfume no frasco ou em outras pessoas.

Para isso existem tiras olfativas. Tiras de papel especial, que não alteram o aroma das fragrâncias.

AVALIAR O PERFUME

A avaliação de um perfume é muito subjetiva, pois o aroma só começa a existir realmente em contato com a pele, uma vez que a mistura passa por uma evolução, sendo notada em três fases, chamadas "notas".

NOTA TOP: é a primeira impressão e dura alguns segundos. É o cheiro que sentimos assim que passamos a fragrância.
NOTA CORAÇÃO: é a alma do produto, desenvolve-se após a aplicação e dura horas, mantendo suas características básicas. É o odor que sentimos durante um bom tempo.
NOTA DE FUNDO: quando a fragrância se fixa ao corpo, dá-se a liberação dos elementos mais fortes. Os efeitos podem se acentuar ou diminuir, de acordo com a temperatura do corpo, clima e ambiente. É o que expressa o caráter básico da fragrância.

ONDE APLICAR O PERFUME?

Os locais ideais para aplicação do perfume correspondem àqueles onde o fluxo sanguíneo é mais intenso, fazendo com que o calor exale melhor o seu aroma. Esta zonas coincidem com áreas sensíveis como nuca, pulsos, atrás das orelhas, nas dobras dos braços e entre os seios.

AS DIFERENTES CONCENTRAÇÕES DE PERFUMES


PRODUTO CONCENTRAÇÃO DE ESSÊNCIA
EXTRATO 15 - 30%
PERFUMES OU EAU DE PARFUM 8 - 15%
EAU DE TOILETTE 4 - 8%
COLÔNIA 3 - 5%
DEO-COLÔNIA 1 - 3%



TENDÊNCIAS OUTONO / INVERNO 2013

Dicas Payot: Escolha seu perfume

Dicas Payot: Beleza